quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Eu tentei te esquecer, você não imagina o quanto. Tentei me apaixonar por outros garotos, mas sempre acontece que eu acabo comparando todos a você. Com você é fácil de rir, de conversar, de manter por perto. Então os outros garotos tornam- se sem graça e sempre parece que está faltando algo neles, parece que falta seu jeito de sorrir, de piscar, falta a sua voz meio rouca, seu cabelo desalinhado ou o teu cheiro.
 Como dói perceber que você escolheu ir embora e ser nada para mim, você nem se dá ao trabalho de me telefonar para falar que está vivo. Aos poucos o sentimento de solidão vai me corroendo internamente, e as músicas que escutávamos vão alimentando a dor e o vazio.
Eu tento ser forte e não chorar, mas não pensar em você é adiar a dor e é deixa - lá crescer.  Ficou tudo tão difícil desde que eu percebi que o quanto você me faz falta, é difícil escrever este texto, assistir um filme romântico ou ler as coisas que você me escrevia.
Mas eu não posso apagar as pessoas que somos, tão imperfeitos para ficarmos juntos.  E o melhor vai ser te transformar em memória, minha mais doce memória...

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Desculpa ter te deixado ir embora sem dizer eu te amo, sem ter lutado um pouco mais. Só espero que um dia você entenda meus motivos, você precisava mais de mim como sua amiga do que de qualquer outra forma. E como eu sei disso? Eu sei por que eu te conheço mais do que qualquer uma um dia conheceu, se eu acreditasse em alma gêmea eu diria que esse é o motivo pelo qual eu leio suas emoções com apenas olhares. Eu desisti do sonho de te ter por perto para te ver bem, eu não queria e decidi não ser o motivo que te prenderia aqui.
Eu não desisti de você, eu simplesmente deixei de dizer o que sentia para quando você precisasse; você viesse sem constrangimento procurar meu ombro para chorar. Eu te prometi que eu estaria aqui depois de tantas tempestades não é? E ainda estarei.  
É a saudade de você que me sufoca ,e a sua indiferença que me mata. Não vamos dizer adeus, este não vai ser o fim. Tem muito sentimento para ser o fim , é tanto amor que eu só consigo te dizer até logo. Então eu esperarei o dia em que você voltará para casa e ficará tudo bem de novo, por que no fundo eu ainda acredito que você irá voltar...

domingo, 9 de janeiro de 2011

Eu achei que depois de tanto tempo longe de você, todos meus sentimentos mudariam. Eu acreditava com todas as minhas forças que depois de tantos anos eu encontraria alguém que me faria sentir melhor do um dia você me fez sentir. Mas essa vontade de te ter ao meu lado quase nunca passa. Daí eu penso em te escrever um e-mail, te telefonar, qualquer coisa, mas então eu desisto.
Eu começo a imaginar como está indo sua vida, se você se apaixonou por outro alguém... mas então eu espanto esses pensamentos, porque é doloroso demais imaginar que vai ser outra pessoa que estará em seus braços, que vai ouvir de você todo dia que é ela quem te faz feliz. E às vezes eu faço a besteira de pegar uma foto nossa, e lembro-me de quando ela foi tirada e como eu sinto falta de você sentar ao meu lado e dizer mil coisas e, eu ficar te observando como aquilo fosse a melhor coisa do mundo. Então, eu fico com raiva de mim mesma por me importar tanto com você sendo que você já nem se importa com nada que deixou para trás.
Surge em mim a vontade de rasgar todas as fotos, queimar todas as lembranças, excluir nossas conversas, e até deletar as músicas que me lembram você, e então eu desisto de novo. Também penso em parar de escrever sobre você, mas, por mais que eu odeio admitir, você foi uma das melhores pessoas que eu conheci na minha vida. Então começo a me interrogar e tentar achar o motivo de tudo ter dado errado. É tarde demais para tentar achar culpados ou buscar mais sofrimento, só está na hora de seguir em frente.

sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

Querido você já tentou dormir com o coração quebrado? Você já ficou rolando na sua cama tentando esquecer tudo de ruim que aconteceu no seu dia?Já tentou olhar para o mundo e ver que em volta existem pessoas com sentimentos?
Não, claro que não. Você é apenas o um ‘quebrador de corações’ se é que essa expressão existe. Durante muito tempo eu me recusei a escrever qualquer coisa relacionada a você, por que eu o faria?  Você durante anos só trouxe desilusão, o amor para você era apenas um jogo.  Eu nunca fiquei tão aliviada por ter esquecido alguém. Você nunca mereceu um sorriso, uma gota de amor. Não ter feito parte de uma de suas conquistas é o que me motiva ir dormir em paz com um lindo sorriso no rosto.
O que antigamente parecia ser indícios de amor, hoje só resta nada. Não posso nem falar que te odeio, eu nem me dou ao trabalho de sentir isso por você.  Você se tornou tão insignificante que você pode se sentar ao meu lado e eu nem perceberei.
Desculpe, mas eu não sou mais a mesma garota de seis anos atrás que queria uma história com um canalha como você.  Você achou que eu ia estar lá sempre por você não é mesmo? Dói me ver tão indiferente? Dói me ouvir falar de outros garotos perto de você?  Machucou seu ego quando eu parti para outro?  Se doeu, coitado, você merecia mais. Podem falar o que quiser, eu não estou desejando nenhuma coisa ruim, só estou esperando que receba em troca tudo o que ele fez.
E depois de todos esses anos, você ainda passa com suas novas namoradas olhando-me, tentando fazer com que eu volte rastejando aos seus pés. E sabe qual reação você me provoca quando faz isso? Crises e mais crises de risos. Sim, só dou risada da sua infantilidade.
Meu querido,  eu já gastei palavras demais neste texto sobre você,  então me faça um enorme favor: saia fora da minha vida e trate de nunca retornar.

terça-feira, 4 de janeiro de 2011

Eu deveria ter te abraçado com mais doçura,
Ter perdoado seus erros sem que você me pedisse isso,
Tinha que ter desconfiado da mentira dos seus amigos
Ou até mesmo falar o que eu sentia.
 
Fui egoísta em não te dizer que eu o amava com a minha vida,
De não ter dito para você ficar e tentar consertar nossa história,
Eu deixei você se afastar pensando que era o melhor para nós,
Fui errada de ficar de luto da minha própria vida.

Mesmo que agora nós estamos tentando juntar os pedaços,
Uma parte dessa história vai doer para sempre
Mas eu acredito que chegou a hora de tentar.

 Saiba que seu sorriso sempre vai ser minha luz
Seus braços meu maior aconchego,
E que ainda resta um pouco de fé em nós dois.

segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Com o tempo você vai aprendendo a separar amor de atração, o verdadeiro do que parece ser real.  Então você vai vendo que nem toque de mãos é algo a mais, que tudo que tem um começo ruim pode levar para um caminho bom. E que ás vezes a melhor  amiga é a solidão.
Um dia quando você estiver cansada de esperar o príncipe, se lembre de todas aquelas grandes mulheres que construíram seu próprio destino sozinhas, se salvaram de todos os seus medos sem ter que ser carregada nos braços por alguém.
 Todos esperam finais felizes de filme, eu quero algo bem mais simples e mais singelo. Eu não espero que o cara dos meus sonhos apareça um dia sabe se lá porque na porta da minha casa e diga que me ama; carregue-me em seus braços e tenhamos uma vida feliz para sempre, isso é utopia e só faz garotas quebrarem seus corações.  Eu admiro aqueles casais que batalharam todos os dias para ficarem juntos e que demonstram seu amor em pequenos atos diários. Deviam ter mais filmes dedicados para casais que apesar de tudo o que enfrentaram continuam juntos, partiram de uma história simples, mas que cada dia fazem melhor que muito final feliz de contos de fada.
O amor é feito de pequenos atos, gestos e sorrisos, se não for isso não é amor, é apenas um espetáculo.  E a banalidade do amor atual me assusta. Hoje em dia o ‘eu te amo’ que eu acho tão difícil de falar é espalhado como um nada, mas eu sinto pena dessas pessoas, pois um dia elas verão o amor passar e nem se darão conta de que aquilo era a coisa mais real que aconteceu na vida dela.
Então um dia o amor vem, claro, mas ficar sentada sem lutar pelas coisas que você acredita não te levam a lugar nenhum também. O primeiro passo é você amar a si mesma, acreditar que um dia tudo aquilo que você lutou vai valer a pena, esse é um caminho que eu aprendi para a felicidade.